Postado em 08/04/2019

Atenção ao Paciente com Síndrome Metabólica: da prevenção a terapêutica

Como consequência do envelhecimento populacional e do sedentarismo, verifica-se o predomínio das doenças crônicas não transmissíveis. Nesse contexto, a Síndrome Metabólica destaca-se como um conjunto de fatores de risco para o aumento do risco cardiovascular e desenvolvimento de complicações como o infarto miocárdico ou o AVC.

Essa síndrome caracteriza-se por obesidade visceral, baixos níveis de HDL, altos níveis de triglicerídeos, resistência à insulina e pressão arterial elevada. Seus primeiros relatos foram mencionados na literatura há mais de 80 anos, porém apenas em 1998 um grupo de consultores da Organização Mundial de Saúde (OMS) propôs um primeiro critério diagnóstico para facilitar as investigações clínicas e epidemiológicas da SM, tendo como componente principal a resistência à insulina.

A adoção de um estilo de vida saudável está fortemente relacionada à melhora da qualidade de vida e interfere de forma positiva no controle dos fatores de risco presentes nessa condição clínica. Quando existe falha nas estratégias de prevenção estes pacientes podem evoluir com agravamento do quadro clínico e necessitar de cuidados intensivo, por isso é essencial a presença de um cuidado multiprofissional na abordagem da SM.

 

Tendo em vista a importância da abordagem de tal assunto, o Colégio Médico Acadêmico do Piauí promoverá o curso “Atenção ao Paciente com Síndrome Metabólica – Da Prevenção à Terapêutica”, no período de 11 a 14 de abril de 2019, no Auditório Caneleiro do Centro Universitário UNINOVAFAPI (R. Vitorino Orthiges Fernandes, 6123 - Uruguai, Teresina – PI.

Confira a programação completa aqui!


Noticias Relacionadas »
Seleção de Ligas Acadêmicas de Medicina
Seleção de Cursos Práticos

Seleção de Ligas Acadêmicas de Medicina

Leia mais
Atenção ao Paciente com Síndrome Metabólica: da prevenção a terapêutica
Programação Completa

Atenção ao Paciente com Síndrome Metabólica: da prevenção a terapêutica

Leia mais
Comentários »
  • Nenhum comentario enviado, seja o primeiro!

ADICIONAR COMENTÁRIO